WORKSHOP TEATRO “À descoberta do Teatro”

VOLTAR AO INICIO

Dias 26, 27, 28 e 29 Dezembro 2017

Quer experimentar teatro?
Quer experimentar teatro de uma forma intensiva?
Teatro num fim-de-semana?
Há anos que adia uma inscrição numa atividade teatral?

Venha descobrir o teatro! Venha descobrir-se!

A oportunidade de descobrir o seu “eu”, expandindo corpo, espírito e mente. Num ambiente lúdico, mágico, partilhando experiências criadas no momento com o coletivo, vai poder descobrir que somos espectadores e atores. Descobrindo o teatro o ser descobre-se humano. O teatro é a arte de nos vermos, a arte de nos vermos, vendo!

Programa:
Expressão corporal;
Autoconhecimento;
Estímulo de todos sentidos;
Incentivo à criação;
Perceção do “eu” e da autoestima;
Métodos que auxiliam a interpretação e representação de emoções.

Metodologia:
Essencialmente prática (física), variando em momentos teóricos e reflexivos.

Faixa etária:
A partir dos 17 anos.

Caracterização do público-alvo:
Qualquer pessoa que sinta vontade de fazer algo diferente, de sair da rotina, viver uma nova aventura e ter consciência do seu ser, do que somos e daquilo que queremos.

Local de formação:
Casa do Artista, Estrada da Pontinha nº7. 1600-582 Lisboa.

Datas:
De 26 a 29 de Dezembro 2017.

Horário:
20h:00 às 23h:00.

Formador:

João Rosa é actor e encenador. Autor da mais recente encenação “Mundo Distante” com Texto de Nuno Costa Santos e interpretação de Eduardo Frazão e Manuel Coelho (gentilmente cedido pelo TNDM II) em Novembro de 2017, ainda no mesmo ano (Março) criou o espectáculo “Afogada na tua vergonha” baseado em Sarah Kane e Roberto Corte com Catarina Gonçalves e Eduardo Frazão, ambos os espectáculos estreados na Comuna Teatro de Pesquisa. Autor e intérprete do espetáculo-Palestra-Performance “Eu tenho Voz” (2016) estreado no Auditório Camões. “A Vida é Sonho”, texto de Pedro Calderón de La Barca (2014) na Comuna Teatro de Pesquisa. No final de 2013 criou “Galgar com tudo por cima de tudo” inspirado em textos de Fernando Pessoa e Álvaro de Campos também na Comuna Teatro de Pesquisa e em 2015 no Teatro da Trindade. “Ode Marítima” de Álvaro de Campos no Auditório Camões em 2012 e 2013. “O crime de Aldeia Velha” de Bernardo Santareno no Palácio da Independência em 2011. “A casa de Bernarda Alba” de Federico Garcia Lorca, também no Palácio da Independência em 2010. “O café” de Carlo Goldoni no Cine-teatro A Barraca em 2009 e a peça “Antes de começar” de Almada Negreiros (2005). “E Sexo?! Não se fala de Sexo?” baseado no livro de Isabel Stilwell no Teatro da Trindade-sala Estúdio (2005). Em 2006 criou a peça “Desassossego” uma comédia sobre as relações amorosas no Auditório do IPJ Parque das Nações, esteve em cena em 12 cidades. Entre 2001 e 2005 dirigiu o Fórum Cultural onde produziu e criou peças de cariz experimental e enquanto ator e encenador, desenvolveu performances e espetáculos. No Teatro Nacional São Carlos, como ator, participou na Opera Salomé, Siegfried conjunto da tetralogia de Wagner temporada 2008/2009, Die Walkure de Richard Waguer e Maria de Buenos Aires opereta de Astor Piazzolla temporada 2006/07. Como formador desenvolve vários workshops, oficinas de teatro e cursos de formação de atores na Oficinas Teatro Lisboa. Tem realizado paralelamente várias ações de voz para empresas como: Grupo Intimissimi e Calzedonia, Fujitsu, TeamView, Ministério da Defesa Nacional, Grupo Jerónimo Martins, Socremo (Moçambique), Colégios Maristas (Brasil), Serviços Sociais Administração Pública e Vantagem + Consultores Formação Lda.

Nº de horas:
12h.

Preço do workshop:
Preço: € 85,00

Inscrição:
Para efectuar inscrição envie um email para:  geral@oficinasteatrolisboa.com

NOVAS DATAS

Dias 14 e 15 de Janeiro de 2017

 

Quer experimentar teatro?

Quer experimentar teatro de uma forma intensiva?
Teatro num fim-de-semana?
Há anos que adia uma inscrição numa actividade teatral?
Venha descobrir o teatro! Venha descobrir-se!

A oportunidade de descobrir o seu “eu”, expandindo corpo, espírito e mente. Num ambiente lúdico, mágico, partilhando experiências criadas no momento com o colectivo, vai poder descobrir que somos espectadores e actores. Descobrindo o teatro o ser descobre-se humano.

O teatro é a arte de nos vermos, a arte de nos vermos vendo!

Programa:
A expressão oral e corporal;
Autoconhecimento;
Estímulo de todos sentidos;
Incentivo à criação;
Percepção e memorização;
Auto-estima;
Métodos que auxiliam a interpretação e representação de emoções.

Casa do Artista:
Morada: Estrada da Pontinha nº7.  1600-582 Lisboa.

Horário:  10h:00 às 18h:00.

Caracterização do público-alvo:
Qualquer pessoa que sinta vontade de fazer algo diferente, de sair da rotina, viver uma nova aventura e ter consciência do seu ser, do que somos e daquilo que queremos.
Faixas etárias: Dos 17 aos 65 anos.

Formador:

João Rosa – Entre 2001 e 2005 dirigiu o Fórum Cultual onde produziu, criou peças de cariz experimental enquanto ator e encenador, performances como “Zé das Couves” comédia musical de cariz popular, “Chapelinho Rosa Shock” teatro infantil musical baseado na história do Capuchinho Vermelho, “As Férias” teatro mudo (performance teatral de rua) e “Brain Storm” baseado nos textos de William Shaskespeare, Oscar Wilde, Eurípedes e Brecht e “Os bonecos” de Almada Negreiros. Nesse mesmo ano encenou o espetáculo “E Sexo?! Não se fala de Sexo? …” baseado no livro de Isabel Stilwell (Guia para ficar a saber ainda menos sobre as mulheres) no teatro da Trindade sala estúdio. Em 2006 criou a peça com objetivos de itinerância, “Desassossego” uma comédia sobre as relações amorosas, estreou no Auditório do IPJ Parque das Nações passando por Viseu, Leiria, Azambuja, Covilhã, Lagos, Benavente, Beja, Portalegre, Setúbal, Entroncamento, Vila Franca de Xira e Abrantes. Enquanto docente encenou os seguintes trabalhos: “A Enfermaria” uma ideia a partir do filme “Voando sobre um ninho de cucos”, “Dissonâncias Instaladas” de Hélder Costa e Rodrigo Corte, “Degraus” baseado nas vivências dos participantes das oficinas de Teatro sénior, “Os Miúdos” uma reflexão sobre o sem-abrigo, “A Varanda de Frangipani” de Mia Couto, “Zibaldone” adaptação teatral de vários autores da poesia portuguesa, “Salomé” de Oscar Wilde, “Peer Gynt” de Henrik Ibsen, “Grupo de Vanguarda” de Vicente Sanches, “A vida é sonho” de Calderon de La Barca, “Romeu e Julieta” de William Shakespeare.No Teatro Nacional São Carlos, participou na Opera “Salomé”, “Siegfried” conjunto da tetralogia de Wagner temporada 2008/2009, “Die Walkure” de Richard Waguer e “Maria de Buenos Aires” opereta de Astor Piazzolla temporada 2006/07. Em trabalhos de produção própria criou “Galgar com tudo por cima de tudo” de Fernando Pessoa e Álvaro de Campos na Comuna Teatro de Pesquisa e está em digressão Nacional (2013/2015), “Ode Marítima” Fernando Pessoa/Álvaro de Campos no Auditório Camões (2012-1013), “O crime de Aldeia Velha” Bernardo Santareno Palácio da Independência (2011), “A casa de Bernarda Alba” Federico Garcia Lorca Palácio da Independência (2010), “O café” de Carlo Goldoni no teatro A Barraca (2009) e “Antes de começar/os bonecos” de Almada Negreiros um espectáculo itinerante Lisboa, Peniche e Viseu (2005).

CLICK AQUI PARA LER OS COMENTÁRIOS

Horário:
Nº de horas:
11

Preço do workshop:
Preço: € 80,00

Inscrição:
Para inscrição: geral@oficinasteatrolisboa.com   

Modo de pagamento
Transferência bancária

 

Anúncios
%d bloggers like this: